automação de preços nos mercados

A importância da automação de controle de preços em mercados

A tecnologia já tomou conta dos mais variados processos dentro da rotina de um mercado a fim não só de inovar como também de otimizar a gestão e os resultados do varejo. Nesse sentido, uma das tarefas que mais pode se beneficiar com os avanços tecnológicos é o controle de preços, que hoje conta com sistemas e ferramentas capazes de automatizar esse trabalho.

Se você ainda tem apego às etiquetas de papel e considera que talvez seja um luxo ou gasto desnecessário atingir esse nível de informatização no seu mercado, repense. A automatização do controle de preços pode ter um impacto significativo nas contas e na performance do seu negócio.

Pense, por exemplo, em todo o custo de impressão das etiquetas de preço das gôndolas. Ou, ainda, no tempo gasto para fazer a troca manual das etiquetas, enquanto os colaboradores poderiam estar concentrados em outras atividades que podem trazer um resultado melhor para as vendas do mercado.

Imagine ainda os riscos de erros, como  a impressão de um preço abaixo do valor efetivo, diferente daquele cadastrado no sistema. Você será obrigado a vender ao consumidor pelo preço mais baixo, tendo prejuízo financeiro, mas não sem antes passar por algum desgaste com o cliente, o que está longe de ser uma situação desejável.

Se você usa um sistema de etiquetas eletrônicas, nada disso é um problema na sua rotina de trabalho dentro do mercado.

E se você comprou determinados produtos por um preço superior ao de costume do seu fornecedor? Se um software de gestão já faz parte das suas rotinas administrativas, você pode inserir o novo preço de compra e o programa vai automaticamente ajustar o preço de gôndola, a fim de manter a sua margem.

Por outro lado, se tudo ainda é analógico no seu estabelecimento, talvez você nem se dê conta desses detalhes ou então perca tempo refazendo as contas – com o risco de errar na hora de lidar com os números.

Ferramentas de controle de preços em mercados

Como já foi possível identificar pelas situações descritas acima, algumas das principais ferramentas de controle de preços usadas hoje em mercados são as etiquetas eletrônicas e os softwares de gestão.

Etiquetas eletrônicas

Essas etiquetas são feitas de um material semelhante ao utilizado em e-readers, os leitores de livros digitais. Essas etiquetas estão integradas ao sistema de caixa do supermercado, o que permite a atualização automática de preços sempre que houver uma alteração.

Essa atualização também pode ser programada – por exemplo, se toda quarta-feira o seu supermercado faz grandes promoções, é possível agendar a mudança de preços para esse dia da semana com a antecedência que você desejar.

Softwares de gestão

Os softwares de gestão desenvolvidos especificamente para supermercados permitem o controle de preços e muito mais. Como o próprio nome diz, eles atuam nas rotinas administrativas do mercado.

Além de poder fazer a atualização de preços e ajustes no valor de gôndola com base no custo e na margem desejada, é possível também ter um melhor controle da movimentação do estoque, com base em indicações dos produtos de maior venda e alertas de reposição.

É possível também fazer auditorias na movimentação financeira e ter o controle da movimentação por caixa, por exemplo. Gerenciamento de notas fiscais, contas a pagar e a receber também podem estar entre as funções dos softwares de gestão de supermercados, mais uma prova de que eles podem contribuir com muito mais do que somente com o controle de preços.

Benefícios da automatização do controle de preços

Os exemplos anteriores deixam bastante claro que a automatização do controle de preços é vantajosa e, por isso mesmo, deve ser vista como um investimento para o seu mercado.

Com essas ferramentas, há uma redução de erros. Elas não eliminam por completo as possibilidades de erro, mas ajudam a descobrí-los muito mais rapidamente. Como consequência, eles são corrigidos também de forma mais rápida, o que contribui para sua redução.

Além disso, com ferramentas de controle de preço é possível passar a ter uma visão muito mais completa e orgânica das operações do mercado. Ao ter uma visão do todo, você não só controla melhor os preços, que afetam diretamente no seu faturamento, como também controla melhor todos os processos do estabelecimento, melhorando a gestão.

No caso específico dos softwares, é possível ter acesso a gráficos, relatórios, planilhas e outros dados que, se bem analisados, podem te fornecer informações importantes para você tomar decisões estratégicas e mais acertadas.

Além do controle de preços, gerenciar o fluxo de caixa também é determinante para o sucesso do seu mercado. Conheça cinco sistemas de controle de caixa gratuitos.

Deixe um comentário:

Newsletter

Receba todas nossas novidades